terça-feira, 22 de maio de 2012

#Divulgações

Olá pessoal! Espero que todos tenham tido um bom inicio de semana.
Hoje foi postado o prefacio de O Segredo de Eva da autora Adriana Vargas e é logico que eu trouxe para vocês né rsrs.
Quem fez o prefacio foi a Roxane Norris e ficou lindo. Minha vontade de ler o livro só fez aumentar e espero que surta o mesmo efeito em vocês.
Sem mais enrolações, com vocês o prefacio de O Segredo de Eva:


"O que dizer com palavras quando os sentimentos transbordam a alma e nos capturam como refém de uma peça existencial que margeia o lúdico e o real?
Como reagir quando a paixão corrompe sua sanidade de tal maneira que amar é uma linha invisível entre a loucura e a realidade mordaz?
O amor é nossa vulnerabilidade mais inconstante. Pode ser anacrônico, vil, tendencioso; suplantar sua forma mais bela nas destemperanças que a existência humana o obriga assumir. Todavia, pode ser um lago de águas plácidas, terno e celibatário. O amor é mutável, ainda que seu foco seja uma única pessoa. Vai aos extremos do aprazível e do dantesco. Ele corrói entranhas e desmistifica o espírito. Pode ser a soberba de uns, e imprudência de outros.
Em o Segredo de Eva, Adriana Vargas Aguiar cria um monólogo que arrebata seu leitor e o conduz a entrar na mente da protagonista que avança incauta pela avalanche de sentimentos que a assombra; a autora vai desvendando os segredos da natureza humana. As armadilhas que simples palavras podem nos conduzir, ou sentimentos julgados resolvidos, podem se transformar.
Nos pequenos pedaços frágeis de uma mulher apaixonada, entregue a esse sentimento sem reservas, somos capazes de torcer pela dor e ignorar os fatos. Somos ludibriados pelos sentidos de Eva.
Eva é sublime em sua compreensão do que ocorre a sua volta, lúcida ao ponto de cometer um atentado contra si mesmo: ignorar todas as regras, se doar alucinadamente como se de cada minuto e segundo com seu segredo dependesse o sangue lhe corre nas veias...
Porque um dia finalmente ele secaria, assim como todas as desculpas que sempre dispensou á falta dele; e todas as realidades que projetou, caso fosse possível, por apenas milésimos de segundos, ter um início, meio e fim diferentes.
No fundo, Eva sempre esteve só, esperando... Até que a única coisa realmente coerente em sua vida a pegasse pela mão e a trouxesse à realidade fria da solidão. A solidão gélida do desespero da perda.
Ela se perde de si mesma para no fim, encontrar a paz tão almejada nos braços do amor. O amor que ultrapassou fronteiras de tempo, espaço e inteligível.
Com suas palavras e textos impecavelmente bem construídos, que é uma característica da autora, Adriana nos envolve de tal forma e tão intensamente, que há de se questionar o leitor em que momento exatamente estamos de frente para Eva ou para nós mesmos.
O comprometimento da autora com a narrativa é tamanho, que as frases se desmancham na leitura como amantes ardentes se derretendo entre lençóis. As variáveis na personalidade de Eva, seus receios e paradigmas são desfolhados um a um pelas belas letras honrosas de Adriana.
O Segredo de Eva jamais será um texto lido por olhos afoitos em busca de entretenimento para o espírito. Deve ser apreciado em toda sua complexidade e transparência, em doses mínimas para prolongar o efeito, ou num único gole para que todos seus sentidos sejam arrebatados e sua alma se sinta inebriada... Incapaz de reagir a Adriana.
Eva é apenas um dos muitos segredos da mente dessa autora cujo talento sempre nos reserva surpresas e ultrapassa limites.
Por isso eu faço meu convite:
Deixe-se desvendar esse segredo: Eva."

Roxane Norris




Para os interessados, a pagina da autora: Adriana Vargas

Beijos de La Fleur dy Lis

3 comentários:

  1. Não é o tipo de livro que costumo ler, mas a sinopse dele é bem interessante, achei um enredo legal, diferente... Se surgisse uma oportunidade, com certeza eu leria.

    Bjs,
    Kel
    www.itcultura.com

    ResponderExcluir
  2. O PREFÁCIO É LINDO, A AUTORA ESCREVE COM MAESTRIA, TRABALHA AS LETRAS COM UM ESTILO PRÓPRIO. LIVRO OBRIGATÓRIO!

    ResponderExcluir
  3. Oi Bruna, nossa fiquei até sem folego agora lendo este prefácio, e fiquei doida para ler o livro, gostei muitooooo

    beijos
    adorei seu blog ^^
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir